Sexta-feira, 15 de Janeiro de 2016

NESTA ESTRADA DE MAR...

nova pasta 4382.jpg

Onda na estrada do mar

Chove bruma de letras

Vagas no rosto do olhar

Sertas feridas secretas.

 

Chora a dor que teima ficar

No tempo mais desatento

Canto de cantigas a ondular

Soltas na evasão do vento.

 

Afaga neblina de palavras

Polindo a rudez das pedras

Enroladas por breves vagas

Num momento por regras.

 

Lava o olhar da esperança

Num fagueiro sentimento

Vigora a flor da confiança

Entre o sorriso do tempo.

publicado por perfume da esperança às 07:17
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.Outubro 2022

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Quando eu era pequena

. Se Tiver Que Chover, Que ...

. Alegria, Dança!

. Fim de Semana

. Aos Poucos

. Por Magia

. Desejo-te

. AMIGO...

. Pe. Ronchi: Jesus não é m...

SAPO Blogs

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub